13/06/2017
Exclusivo: Envolvido em latrocínio de empresário é condenado a 21 anos de cadeia em Concórdia

Concórdia – Seis anos depois de ter participado de um latrocínio em Concórdia, o réu Lúcio Flávio Manica foi condenado nesta semana a 21 anos de cadeia. Ele é acusado pelo Ministério Público pela morte de Almir Norato do Amaral, crime ocorrido em janeiro de 2011. Por ter respondido o processo em liberdade, o acusado agora também poderá recorrer da decisão nas mesmas condições.

De acordo com as informações, o corpo da vítima foi encontrado no município de Erechim. Três pessoas respondem pelo crime, sendo dois homens e uma mulher. Um dos envolvidos segue foragido da Justiça. A mulher chegou a ser presa em 2014, mas foi liberada por determinação judicial. De acordo com a Polícia Civil, na época, Almir teria sido morto em Concórdia e o corpo colocado dentro de uma caixa de papelão e abandonado próximo a Erechim, no Rio Grande do Sul.

Para a Polícia Civil, o homicídio teria sido motivado pelo roubo da caminhonete da vítima. Se a pena for mantida pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina, o réu terá que cumprir a pena no regime fechado.
Fonte: Atual FM

VEJA TAMBÉM

20/10/2017 - Previsão do tempo para HOJE - Sexta-feira 20/10/2017
20/10/2017 - Colegiado Regional de Seara discute ações na agricultura e segurança...
20/10/2017 - CME Xavantina enfrenta Três de Maio/Canhada Grande neste sábado
19/10/2017 - Homem que abusou sexualmente do próprio filho em Piratuba está em...
19/10/2017 - Previsão do tempo para HOJE - Quinta-feira 19/10/2017
18/10/2017 - Vítima de soterramento permanece internada na UTI
Fone: 49 | 3454 1483

Rua Prefeito Octavio Urbano Simon, nº 205, Centro, Xavantina / SC
CEP: 89780-000
© - Ideia Good - Soluções para Internet